Marketing em rede – Como atingir o maior número de usuários possível com uma estratégia certeira

Marketing em Rede – Como atingir o maior número de usuários possível com uma estratégia certeira

213 Views

Com o surgimento da internet, o mundo dos negócios sofreu uma nova revolução, nascendo assim um nicho completamente novo de mercado, gerenciado e ambientado completamente no mundo digital.

Sem a necessidade de se limitar às barreiras físicas de um empreendimento tradicional, a revolução tecnológica dos negócios trouxe maiores possibilidades para quem se arrisca a investir seu tempo e esforços em um negócio próprio ou até mesmo em novos horizontes para negócios já estabelecidos.

Esta evolução digital, no entanto, não está livre de algumas similaridades com os negócios tradicionais, e uma dessas similaridades é a necessidade de uma estratégia de marketing eficaz. Na verdade, negócios digitais possuem uma necessidade até mesmo maior de um trabalho de marketing, uma vez que o cliente não pode simplesmente entrar e tocar no produto de maneira física, e o mundo digital se apresenta como um grande mar de sites e conteúdo.

Por este motivo, saber escolher bem o tipo de modelo ou estratégia a ser aplicada em seu negócio é essencial.

Escolhendo uma estratégia de marketing para seu negócio

O primeiro passo para conseguir ter um negócio de sucesso na internet é escolher seu método de trabalho. Essa escolha é muito importante, pois define grande parte do seu alcance e dos resultados que irá colher.

Entre as mais diversas estratégias e métodos mercadológicos que existem, o Funil de Vendas é um dos mais eficazes. Tendo nascido no século XIX, este modelo de marketing visa cobrir todos os lados do negócio, colocando o cliente no centro, de maneira a conduzi-lo exatamente para o ponto em que o negócio se concretiza, seja uma venda ou a contratação de um serviço em particular.

Podendo se adaptar a qualquer tipo de negócio, o funil de vendas se baseia na divisão da estratégia em 4 etapas, do topo ao fundo do funil, atraindo e convertendo interessados em clientes e os conduzindo até o momento em que o negócio se concretiza, ou o fechamento do negócio.

Dessa forma, o Funil de Vendas garante os melhores resultados, seja em negócios tradicionais ou digitais, tendo sido um dos mais aplicados, e com melhores retornos no mundo virtual.

Mas por que o Funil de Vendas é o melhor modelo para negócios digitais?

A resposta para essa pergunta está na adaptabilidade do modelo sem perder sua eficácia. Em suas etapas, o Funil de Vendas é dividido entre: Prospecção de clientes, atração ou desejo, solução de objeções e fechamento.

Uma vez entendidas estas etapas, se torna possível adaptá-lo para o marketing de redes, levando assim seu negócio a um novo patamar.

Como um guia de como trabalhar seu negócio, modelos, ou estratégias de marketing te dão um caminho a seguir, que se implementado corretamente, levará a bons resultados, mas é sempre importante lembrar que estratégias dependem de esforço, não sendo fórmulas mágicas, mas apenas métodos de negócio.

Atraindo usuários para seu negócio

As primeiras duas etapas do Funil de Vendas se focam em prospectar e atrair clientes. Em negócios online, trata-se de escolher e trabalhar o nicho do seu negócio. Seja uma loja e-commerce ou um site de conteúdo que gire ao redor de anunciantes e cliques, o funil de vendas começa pela escolha do perfil dos clientes. Ou seja, a prospecção.

De maneira prática, é a escolha do nico de serviço e do público a ser alcançado. Escolhendo o perfil do usuário, é possível então trabalhar toda a estratégia da loja ou do site para atrair novos olhares. É essa escolha de “quem desejamos como nosso público” que chamamos de prospecção de clientes.

Após escolhido o ramo de atuação, chega a hora de começar a trabalhar no segundo nível do funil, começando a atrair clientes e leva-los para o fundo do funil, a atração do público é trabalhada. Para o marketing de redes, essa talvez seja uma das etapas mais delicadas, pois tudo deve ser pensado para atrair e cativar o usuário, por tanto é necessário investir em uma interface gráfica agradável, conteúdos de qualidade e que movam o interesse do usuário.

A chave é despertar o interesse é transformar o desejo do cliente em uma necessidade, seja trabalhando com produtos realmente necessários ou apenas aqueles que despertem uma necessidade de aceitação social.

Para negócios e-commerce, além de produtos atrativos, também é importante trabalhar com a criptografia da loja, pois a insegurança de dados de pagamento online pode ser um grande problema. Garantir um ambiente seguro faz parte da atração do cliente.

Conduzindo usuários para o fundo do Funil

Uma vez que os usuários já tenham sido atraídos para seu site, e seu desejo tenha sido trabalhado através de conteúdos e um ambiente gráfico amigável, é hora de conduzi-lo até o fundo do funil.

A terceira etapa do funil de vendas consiste em derrubar todas as objeções que ele eventualmente tenha sobre o que é oferecido ou, no caso de sites que dependam da rotatividade de cliques e de anúncios, gerar um ambiente para que ele realmente aceite clicar na propaganda, gerando assim renda para seu site.

Nesta fase do negócio, comentários e perguntas devem ser respondidas, qualquer situação que possa gerar dúvida, barreira ou objeção deve ser retirada e, em casos de necessidade de navegação, links para novos conteúdos ou novos ambientes devem ser incluídos de maneira a manter o usuário ainda mais tempo online.

Uma vez que não existam mais barreiras, o usuário finalmente é conduzido ao fundo do funil, ou seja, o fechamento do negócio. É importante que o usuário se sinta satisfeito com todo o processo, pois em negócios online a fidelização do cliente se torna ainda mais importante. Independente se por um negócio comercial, com a condução do usuário para o carrinho de compra e até o pagamento, ou por sua navegação capaz de gerar renda por visualização de propagandas, é aqui que o negócio é fechado.

Garanta que o usuário sempre volte através de inscrição em páginas do Facebook, Instagram ou Twitter. Trabalhe sua empresa nas mídias sociais, porque o negócio não termina após se atingir o fundo do funil. Uma vez que conheça sua empresa, será ainda mais fácil atrair a atenção do usuário.

GOSTOU DESSE ARTIGO?

Insira o seu endereço de email abaixo para receber gratuitamente dicas e conteúdo exclusivo!


Cadastro realizado com sucesso